Oral: O segundo traço a ser desenvolvido e como estimular o autocuidado

Oi! Como é bom ter você aqui mais uma vez.

Espero que até aqui toda essa informação esteja fazendo sentindo, mas se não estiver, fique calmo, prometo que até o final dessa série de postagem você vai entender.

É muita informação para um texto só, então aproveita que você já se interessou pelo assunto e está buscando conhecimento, não deixa de acompanhar a gente lá no nosso canal do Youtube do Idivorciei que tem muito conteúdo por lá, e também no Instagram @idivorciei.

Bom, hoje vamos falar sobre o segundo traço de caráter que ajudou a formar nosso corpo.

O traço de hoje é chamado de Oral, a sua fase de origem é durante o processo de amamentação.

Lembre-se, que todos nós temos os 5 traços de caráter, alguns vão sobre sair mais e outro menos. 

Quem tem o traço oral em uma porcentagem considerável sentiu a dor do abandono e registrou um trauma que também lhe deu qualidades.

No período de amamentação o bebê sentiu que não teve suas necessidades atendidas.

O que não significa que a mamãe ou quem cuidava desse bebê tenha sido relapso, a criança interpreta o mundo de acordo com a visão dela, que é bastante limitada, então não estamos falando do fato em si, mas sim da interpretação dos fatos dado pelo bebê.

Um vazio se instalou em seu sistema, então por mais que a pessoa receba dos outros e da vida, sempre sente que não é suficiente.

O corpo do traço o Oral e mais redondinho, fofinho e quentinho, as pernas mais curtas e um olhar de quem pede colo, sabe a carinha do gato do sherek? É um bom exemplo.

É a estrutura de caráter mais propensa a engordar justamente por buscar preencher o vazio que sente, por vezes com comida.

Essas pessoas gostam de contato físico, colo, abraços e carinho. Detesta estar sozinho e quando na dor é capaz de suportar relacionamentos ruins e doentios só para não ficar sozinho, expressam muito seus sentimentos e são bastantes emocionais, choram com facilidade.

A grande qualidade desse traço é a comunicação, como gostam de estar com pessoas, esse traço traz movimento para vida não só dele, mas das pessoas a sua volta.

Não espere razão e objetividade dos orais, pois eles são muito emocionais.

Mas como cuidar da beleza do traço Oral? Como estimular uma pessoa que tem uma porcentagem considerável desse traço a se embelezar e praticar o autocuidado?

Já sabemos que esse traço é comunicador, gosta de estar com pessoas, de se relacionar, ao mesmo tempo que gosta de estar arrumada, bem vestida gosta de conforto e praticidade.

Então para que uma pessoa que tem esse traço continue se cuidado, é bom fazer acordos internos como por exemplo:

Ah! Hoje eu vou me maquiar, praticar skin care e escovar o cabelo, vou por uma roupa bonita, porém vou usar calçado confortável.

Parece simples isso, mas para a mente de oral funciona muito bem, poque a pessoa não perde o estimulo de cuidar da própria imagem.

Se colocar muita coisa para esse oral fazer na rotina do seu dia em relação a imagem, vão ser muitos processos e aí ele não dá conta, ou se tira a parte do conforto que é necessária para um oral ele também não vai da conta.

E a ideia aqui, é que a pessoa que esteja buscando esse autocuidado comece a valorizar quem ela é, e adapte toda a informação de beleza, moda, tendência que existe nas mídias para ela.

E é claro vamos falar de como se relacionar com esse traço, o oral sabemos que ele é muito comunicador, e muito emocional.

Então uma pessoa com uma porcentagem considerável desse traço precisa de muito carinho, muita atenção, conversar bastante, parasse básico e que todos nós precisamos disso, mas é sério uma pessoa que tem muito desse traço precisa disso muito mais do que as outras pessoas que talvez não tenha tanto desse traço em evidencia.

Então para que uma relação fique leve seja amorosa ou social, ou com os filhos, esse traço precisa ter muitos amigos, sair, interagir com outras pessoas.

Por exemplo: uma ou duas vezes na semana vai encontrar os amigos para jantar, happy hour, joga uma partida futebol, um dia de garotas, e de preferência que esses encontros de duas vezes na semana seja com turma de amigos diferentes.

Porque isso? Porque o oral ele muito emocional, muito contato físico, então é importante que essa energia seja distribuída para que tanto para os amigos, ou dentro de uma relação amorosa a pessoa que esteja interagindo com um oral não se sinta sufocada ou sobrecarregada.

Por que o Oral tem muito a oferecer, por isso é importante essa destruição. 

Aqui é só uma pitadinha de informação para você começar a entender esse estudo magnífico.

E vê como é importante saber quem nós somos.

Assim a aceitação da própria imagem fica mais fácil e leve.

E muito melhor de compreender e entender nós mesmas, e assim iremos fazer escolhas conscientes e inteligentes.

E melhor de tudo vivendo dentro das nossas qualidades.

Você se identificou? Conhece alguém assim? 

Fica ligada aqui no Idivorciei que logo logo venho falar com você sobre o terceiro traço a ser formado.

Compartilhe com aquela pessoa que você acha que deva conhecer esse conteúdo 😉.

Um super Beijo e até a próxima.

Instagram: https://www.instagram.com/lindapramimoficial/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja nosso parceiro preenchendo o cadastro abaixo!