Por que é tão difícil lidar com a separação?

O divórcio normalmente é um processo muito doloroso. E por que será que é tão difícil lidar com este processo? 

Acredito que um dos motivos seja a nossa dificuldade de lidar com perdas, mesmo algo que não é mais positivo, algo que traz sofrimento, temos muita dificuldade de nos desapegarmos, porque criamos vínculos e dependência afetiva e emocional. 

Talvez não seja o sentimento de solidão pela relação ou pela pessoa, mas todo o sentido que aquilo aparentemente trazia. Mesmo terminando uma relação, ao qual não vejo mais sentido, posso me ver numa vida com menos sentido ainda. 

Quado nos desconectamos de alguém, nos separamos, largamos um emprego, mesmo não queremos mais aquela vida, temos dificuldade de enxergar uma nova vida e parar de depender emocionalmente. 

A verdade é que precisamos de novos objetivos, de pessoas que nos ajudem a fazer esta transição, que nos ajudem a reencontrar este sentido da vida. 

Só então podemos perceber e entender que na verdade, aquela relação mesmo não fazendo sentido, às vezes tapava um buraco existencial em nós. 

E quando eu me reencontro comigo, com a minha essência e com pessoas que obviamente podem me ajudar ( família e amigos), começo a conseguir seguir em frente. 

A dor não está necessariamente na separação e na falta do outro, talvez a dor esteja na distração que esta relação me trazia e que me escondia de mim mesmo e dos meus vazios. Portanto, nada pode dar mais sentido e entusiasmo para nós do que nos conectarmos com nós mesmos, pode parecer até filosófico demais, mas na sua essência está a razão da sua existência, e só se conectar com isto.

Acompanhe Daniel Lacerda no Instagram: https://www.instagram.com/psicodaniellacerda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja nosso parceiro preenchendo o cadastro abaixo!